ENTERTAINMENT

Entrevista: “Quem faz a seleção do que é a ‘música do TikTok’ é a audiência”, diz Roberta Guimarães

Entrevista: “Quem faz a seleção do que é a ‘música do TikTok’ é a audiência”, diz Roberta Guimarães #Entrevista #Quem #faz #seleção #música #TikTok #audiência #diz #Roberta #Guimarães Welcome to Viasildes, here is the new story we have for you today:

You Can Click Here To View Restricted Videos/Images in this Article

O mercado musical está passando por transformações depois da popularização do TikTok. Em entrevista exclusiva ao POPline.Biz é Mundo da Música, Roberta Guimarães, Head de Conteúdo Musical do TikTok no Brasil, conversou, diretamente do  Lounge de Criadores da plataforma, no Rock in Rio, sobre as mudanças em relação ao consumo de música e ao formato. Além disso, ela contou como foi pensado o line-up do Arena, que tem a curadoria do aplicativo. 

Leia Mais:

Segundo Roberta Guimarães, a mudança de consumo musical, por conta do TikTok, não tem muito a ver com o formato da música. Essa nova tendência tem a ver com a experiência das pessoas com determinada música. 

“A plataforma já provou que não é exatamente assim. Quem faz essa seleção do que é a ‘música do TikTok’, ou qual pedaço que vai viralizar, é a audiência. É muito mais sobre o que o público quer transmitir ou quer representar sobre aquela música. Essa nova maneira de consumir música, é muito menos sobre um cenário, uma indústria, é muito mais sobre o que a audiência está escolhendo para ela mesma.”

De acordo com Roberta Guimarães, o TikTok tem formatos mais longos que permitem que as pessoas pensem em coisas mais elaboradas,  como seriados e mini documentários. No entanto, ela enfatiza que o ponto estratégico da plataforma para a carreira dos artistas é a autenticidade.

“O cerne do TikTok é o dia a dia, é você ser você, o que você vai olhar e criar, como a sua audiência reage a isso. Eu acho que o mais importante para o artista é entender que o TikTok é uma plataforma de conteúdo, que as pessoas vão se conectar com você por conta do material”, aponta. “Faça parte daquela comunidade, trabalhe com ela, e aí sim você vai estar dentro. Eu dou muito o exemplo do Jovem Dionísio, que estará aqui no Rock in Rio, eles são uma banda que sempre usou muito a plataforma. Quando as pessoas olham e falam que ‘Acorda Pedrinho’ foi um hit do nada.  Não foi do nada, eles tinham a música certa, no momento certo, mas eles tinham uma audiência cultivada dentro do TikTok, que fez com que eles pudessem pegar aquela faixa e conseguir espalhar de uma maneira muito mais rápida.”

 

@oandrevarela #jovemdionisio #acordapedrinho #fy #fypシ ♬ ACORDA PEDRINHO – Jovem Dionisio

 

A curadoria do TikTok para os shows na Arena

Ainda de acordo com Roberta, a plataforma se juntou com o Itaú para entender o que a audiência queria ver e não estava no line-up do Rock in Rio. 

“A gente olhou e pensou quem não estava presente no line-up e é muito forte e presente no TikTok. Por exemplo, a Fresno não estava no dia Emo, e é a maior banda do do Brasil do gênero (…) Então, a gente olhou as comunidades da plataforma para ver quais eram artistas que ainda não estavam no festival e a gente podia trazer para a galera”, comenta Roberta.

Fresno. Foto: Divulgação/Camila Cornelsen

> Generation NXT: Conheça as novas apostas musicais do TikTok

Além disso, Guimarães fala que a equipe da plataforma viu a oportunidade de trabalhar os artistas que nasceram dentro do TikTok.

“A gente também trouxe a galera que começou lá dentro, como Ariah,  RRocha, Baterista do TikTok e Ananda. Então, foi muito unir mais o que mais a conectava com essa audiência do que números. É muito sobre como a gente pode dar de volta para audiência o que eles mostram para a gente que é super relevante.”

 

@bateristadotiktok essa trend foi feita pra bateristas ✊ #fy ♬ som original – Cauê Gantus

 

Click Here To Continue Reading from Source

Related Articles

Back to top button